PT  |  EN

Grupo de Investidores Nacionais compra Vilamoura

|30 de Maio 2021|

Um grupo de investidores nacionais, liderado por João Brion Sanches, chegou a acordo com a norte-americana Lone Star para a aquisição da Vilamoura (Lusotur).

O negócio representa um co-investimento entre este grupo de investidores nacionais e o fundo de investimento da Arrow Global, que detém em Portugal a Norfin e a Whitestar Asset Solutions. A operação, junto dos investidores, foi apoiada pela Norfin, que assume também funções de consultoria na gestão futura de Vilamoura.

João Brion Sanches, que será o novo CEO da Vilamoura (Lusotur), explica que “Ninguém é verdadeiramente dono de Vilamoura. Este grupo de investidores pretende ser o guardião deste património, orientá-lo e cuidar bem dele para as próximas gerações. Temos uma visão de médio/longo prazo a região, que passa pelo desenvolvimento de um produto sustentável e de qualidade, de forma a poder afirmar-se como o melhor destino do Algarve para viver, investir e passar férias, tanto para nacionais como para estrangeiros”.

A gestão portuguesa da Vilamoura (Lusotur), que gere a marina, o centro equestre, o parque ambiental e o núcleo museológico do Cerro da Vila, vai desenvolver o projeto de expansão já aprovado pelas autoridades nacionais.

“Este é um projeto muito importante para nós que representa um investimento essencial para o Algarve, numa altura em que o país e a economia ainda tentam recuperar dos fortes impactos provocados pela pandemia”, acrescenta Francisco Sottomayor, CEO da Norfin e Head of Real Estate Arrow Global Portugal.

O negócio inclui a aquisição da marina de Vilamoura, a maior e mais premiada marina de Portugal e uma das maiores da Europa, com 825 postos de amarração, um estaleiro totalmente equipado e um centro de treino profissional de vela.

A transação integra também o centro equestre, um dos maiores e melhores da Europa, com quatro arenas, das quais 3 em areia e uma em relva, capacidade para receber em permanência 870 cavalos em boxes individuais, sendo anualmente palco do Vilamoura Atlantic Tour e do Vilamoura Champions Tour, provas emblemáticas que selecionam equipas para os Jogos Olímpicos e mundiais de obstáculos.

Os novos proprietários ficam, também, na posse do parque ambiental com 200 hectares de área protegida e que será totalmente reabilitado, bem como do núcleo museológico do Cerro da Vila, que integra 5.000 anos de história, com especial incidência para a ocupação romana da Península Ibérica.

Últimas Notícias

Ver todas as Notícias
2021-11-26T11:49:51+00:00